Ciesp aposta em novo Distrito Industrial para atrair mais investimentos

Importância do setor é ressaltada no Dia da Indústria, celebrado em 25 de maio. Jantar comemorativo reúne industriais neste sábado para celebrar conquistas.

Ciesp São Carlos vai celebrar o Dia da Indústria com um jantar comemorativo para industriais e familiares

A criação de um novo Distrito Industrial em São Carlos e de um ambiente de negócios favorável às indústrias já instaladas é o caminho mais adequado para atrair novos investimentos à cidade e região. A avaliação é do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), regional São Carlos.

Para o diretor-titular do Ciesp São Carlos, Emerson Chu, o município precisa proporcionar um ambiente de negócios favorável à indústria, pois apesar de suas universidades oferecerem mão de obra qualificada e a cidade possuir Centros de Pesquisas e Inovação de primeira linha, é fundamental contar com uma boa infraestrutura nas áreas de saúde, transporte público e educação básica, além de locais adequados para a instalação de novas indústrias.

 “É preciso promover uma melhoria de competitividade da indústria local.” – Emerson Chu

“A indústria local é quem gera empregos com maior especialização e, consequentemente, melhores salários, impulsionando os demais setores econômicos da região como comércio e serviços, por isso é preciso promover uma melhoria de competitividade”, comenta Chu.

Apesar do atual cenário econômico desfavorável, o diretor do Ciesp entende que 2018 é um ano de retomada lenta no crescimento do PIB (Produto Interno Bruto), mas projeta um ritmo melhor para 2019.

“Entendemos que o pior da crise enfrentada nos últimos anos já passou, mas o nível de atividade econômica e de emprego não deve aumentar consideravelmente até o fim deste ano, e nossa confiança é que a recuperação econômica aconteça mais fortemente com a renovação política e a retomada das reformas econômicas pelo novo governo, gerando a recuperação do emprego e, portanto, do mercado interno”, analisa Chu.

O Ciesp São Carlos historicamente está ligado ao desenvolvimento do Parque Industrial da cidade e tem um papel importante no desenvolvimento da indústria na região. Fundado em junho de 1949, encabeçou ações que trouxeram várias conquistas para o setor, dentre elas, a instalação da Unidade de Aprendizado Industrial do Senai, a criação do Conjunto Assistencial, Educacional e Esportivo do Sesi e a Consolidação do Distrito Industrial Miguel Abdelnur e Centro Empresarial de Alta Tecnologia (Ceat), dotados de saneamento básico e asfalto, infraestrutura inexistente até meados de 2007.

“Nosso objetivo é procurar alternativas para as preocupações dos industriais, como a crescente perda de competitividade da indústria nacional, alta carga de impostos, altos custos de produção, além de assuntos locais como a infraestrutura oferecida pela cidade e incentivos fiscais, por exemplo”, explica Chu.

Dia da Indústria

O dia 25 de maio foi escolhido para celebrar o Dia da Indústria em homenagem ao empresário e um dos fundadores da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), Roberto Simonsen. Na década de 1930, ele desempenhou papel fundamental para a consolidação do parque industrial brasileiro. Enquanto o mundo mergulhava na Segunda Guerra Mundial, no período de 1938 a 1945, com a ajuda de Simonsen, o Brasil começou a fabricar produtos que até então tinham que ser importados da Europa e da América do Norte.

Ubiraci Corrêa, presidente da Prominas Brasil, é o Industrial do Ano 2018 - Foto: Arquivo pessoal

Para celebrar o Dia da Indústria e as conquistas do Ciesp local, a entidade promove um jantar comemorativo reunindo industriais, autoridades e convidados de São Carlos e região neste sábado (26). Na ocasião, o empresário Ubiraci Moreno Pires Corrêa, presidente da Prominas Brasil, será homenageado como Industrial do Ano 2018 O título oficial, instituído por lei municipal, será entregue pela Câmara de Vereadores no dia 31 de agosto.

O Ciesp reúne empresas industriais e parceiros ligados ao setor produtivo, dá suporte aos empresários e os representa junto à sociedade e aos governos municipal, estadual e federal. Frequentemente, promove estudos e debates sobre temas de interesse dos associados e é o responsável por levar as demandas do setor às autoridades.

A Regional de São Carlos compreende também Ibaté, Ribeirão Bonito, Dourado, Trabiju, Boa Esperança do Sul, Descalvado, Analândia, Porto Ferreira, Pirassununga e Santa Cruz da Conceição.

Comente