Inicio do conteudo

Perspectivas para a indústria em 2021 no centro de encontro virtual

Especialistas debateram sobre os cenários econômico e sanitário, além da competitividade necessária às empresas

Isabel Cleary, Agência Indusnet Fiesp

O Conselho Superior da Micro, Pequena e Média Indústria (Compi) da Fiesp debateu, nesta sexta-feira (26/2), as perspectivas para a indústria em 2021sob o aspecto da saúde, economia e competitividade, durante em evento on-line. No encontro, a presença dos especialistas Carlos Antonio Rocca, diretor do Cemec – Centro de Estudos da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), Jorge Kalil, professor-titular da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) e Marcos Lima, assessor da presidência da Fiesp.

Rocca destacou a visão econômica ao abordar as medidas emergenciais do Banco Central do Brasil (Bacen), a situação financeira das empresas em 2020 e os desafios para 2021, além das inovações regulatórias. De acordo com o especialista, será essencial trabalhar para destravar o financiamento das empresas e a redução dos custos financeiros. Para isso, Rocca explicou que fatores como o ajuste macroeconômico – taxas de juros baixas e sustentáveis, mercado de crédito – concorrência e eficiência, digitalização das instituições financeiras, avaliação de risco de crédito e liquidez do mercado secundário de dívida são necessários a fim de superar os desafios elencados. Ainda segundo Rocca, a incerteza da evolução da pandemia e da vacinação será um dos principais desafios para a economia das empresas.

Kalil apresentou os números atuais de casos e mortes da Covid-19 no Brasil, e explicou como as atuais vacinas disponíveis foram desenvolvidas e a eficácia delas para frear a pandemia no país. Para o médico, temos que retomar as atividades, mas é preciso seguir as recomendações de segurança, e claro, vacinar a população. “Aprendemos muito como tratar essa doença, e com isso conseguimos salvar vidas, mas é preciso seguir os protocolos de segurança e se vacinar assim que possível”, alertou. O médico também aconselhou os empresários presentes à reunião virtual para que busquem falar com especialistas da área da saúde. Assim, eles poderão auxiliar na melhor forma para lidar com a pandemia na empresa.

Os projetos que tramitam no Congresso Nacional são de extremo interesse da indústria. Marcos Lima, da Fiesp, esclareceu os projetos que hoje estão sendo discutidos e em andamento entre deputados e senadores, e que podem ser positivos para a retomada econômica, entre eles, a Reforma Tributária, a PEC Emergencial e o Pacto Federativo.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1618528380

Perspectivas para a indústria neste ano são destaque em reunião do Compi. Fotos: Ayrton Vignola/Fiesp