Inicio do conteudo

Câmara de Conciliação, Mediação e Arbitragem inaugura Polo de Mediação em Campinas

Cerimônia teve a presença de autoridades e líderes da área jurídica. Evento discutiu a mediação de conflitos empresariais na região

A diretoria regional do Ciesp em Campinas é a primeira a receber o Polo de Mediação da Câmara de Conciliação, Mediação e Arbitragem do Ciesp e da Fiesp. A inauguração aconteceu hoje (23/11), no Ciesp Campinas, com uma programação dedicada à discussão de temas ligados à mediação de conflitos empresariais. A abertura do evento foi realizada pelo diretor titular do Ciesp Campinas, José Nunes Filho,  1º vice-diretor e diretor estadual de Produtos, Serviços e Negócios, José Henrique Toledo Corrêa e pelo diretor Jurídico Valmir Caldana, juntamente com toda a equipe que compõe a Divisão Jurídica da regional.

Segundo o professor Kazuo Watanabe, presidente do Conselho Superior, Campinas ser pioneira. “Acreditamos que devido aos vetores exponenciais da RMC, se ‘pegar’ aqui, certamente essa cultura emplacará nas demais regionais”, destacou. Watanabe também pontuou que o procedimento de mediação é extremamente rápido, dura em média menos de dois meses, com inúmeros benefícios.

“Destaco a celeridade, a economia de tempo, a redução de custos diretos e indiretos na resolução de conflitos, a redução do desgaste de relacionamentos importantes da empresa com clientes, fornecedores e consumidores, além da diminuição de incerteza quanto ao resultado da solução de conflitos”, explicou.

Daniel Blikstein, presidente da OAB-SP/3ª Subseção Campinas, apoiou a iniciativa e disse que para Campinas e região será uma grande oportunidade. “É um passo importante nesses meios de soluções de conflitos que independem muitas vezes do judiciário”, disse. “Uma possibilidade de resolução, evitando a necessidade de um processo judicial, o que desafoga o judiciário”.

O evento contou ainda, com a participação de Carolina Prado de Azevedo, da Ericsson Telecomunicações S.A., que trouxe ao público suas experiências de sucesso com a mediação. “Os resultados são significantes”, afirmou.

Segundo o secretário-geral da Câmara, o advogado Luís Peretti, o Polo funcionará como uma extensão da CCMA na região atendida pelo Ciesp Campinas. “Nosso objetivo é promover a mediação, desenvolver profissionais para estimular os Métodos Adequados de Solução de Conflitos (Mascs) e aproximar os empresários locais deste método mais econômico e efetivo de resolução de disputas”, explica Peretti.

A programação do evento incluiu palestras e debates sobre os temas mais relevantes da mediação, em mesa liderada pelo professor Kazuo Watanabe, que esteve acompanhado dos membros da Comissão de Especialistas em Mediação da CCMA CIESP/FIESP, Adolfo Braga Neto, Daniela Gabbay, Diego Faleck, Fernanda Tartuce e Marco Lorencini. Entre os temas se destacou “A importância da mediação para as empresas” e “Como a mediação pode gerar benefícios mútuos para as partes – Relato de casos de sucesso”.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1566661478

Lenora Hage, secretária-geral adjunta da Câmara, promulgou o relançamento do Pacto de Mediação, para que empresas do mercado de Campinas e região assumam o compromisso de adotar o método na solução de conflitos.

Conheça a Câmara. 

Com informações de Carla Marins – Comunicação Ciesp Campinas/  Fotos: Mari Lima Fotografia